O processo de preparação do sushi

0 Comments

Como E Feito O Sushi

O sushi, um prato muito apreciado na culinária japonesa, surgiu há muitos anos como uma forma de preservar peixes frescos. Atualmente, ele é consumido de diversas maneiras, inclusive no Brasil, onde algumas combinações inusitadas são experimentadas, como sushi com manga, banana e goiabada (e até mesmo em pizzas).

No entanto, ao retornarmos às tradições, se você também aprecia sushi, junte-se a nós neste breve guia que explora suas raízes e sua chegada ao Brasil, além de oferecer dicas para aqueles que desejam experimentar fazê-lo em casa. Está preparado?

A história por trás da preparação do sushi

A origem do sushi remonta ao nare-zushi, uma técnica de conservação em que o peixe era colocado sobre o arroz para fermentar. Inicialmente, esse prato tinha um sabor bastante intenso. Com o passar do tempo, porém, a conserva foi sendo adaptada para proporcionar um sabor mais suave.

O peixe começou a ser fermentado por menos tempo e o arroz passou a ser servido junto com o peixe cru. Essa combinação ficou conhecida como namare-zushi.

Durante os séculos 16 e 19, ocorreu um avanço significativo no desenvolvimento do sushi. Nesse período, foi inventado o vinagre de arroz, que se tornou o ingrediente principal para temperar o arroz utilizado na preparação do sushi.

O sushi que conhecemos atualmente, chamado de nigiri-zushi, foi inventado por Yohei Hanaya, um cozinheiro japonês em torno de 1820. Ele começou a colocar ingredientes sobre o arroz temperado com vinagre para criar essa forma específica de sushi.

No entanto, os peixes não eram consumidos crus devido à falta de refrigeração. Para preservar a carne do peixe, ela era conservada em vinagre e sal ou cozida.

A chegada do sushi ao Brasil: quando ocorreu?

No início do século 20, os primeiros imigrantes japoneses trouxeram suas tradições culinárias para o Brasil, introduzindo o prato ao país.

No dia 18 de junho de 1908, o Kasatu Maru chegou ao porto de Santos, em São Paulo. A bordo do navio estavam aproximadamente 800 imigrantes japoneses que vieram para trabalhar nas plantações de café.

Junto com os imigrantes japoneses, chegaram ao país pratos tradicionais como sopa missô, lámen e sukiyaki. O sushi também se tornou bastante popular no Brasil e passou por algumas adaptações ao longo dos anos.

You might be interested:  Os Motivos para as Grávidas Evitarem Consumir Sushi

O cream cheese, um ingrediente não muito comum no Japão, ganhou popularidade entre os brasileiros após ser introduzido nos Estados Unidos. Sua adição em diversas receitas conquistou o paladar dos brasileiros, que agora não abrem mão desse saboroso ingrediente.

Uma das mudanças que o sushi sofreu aqui no Brasil foi em relação ao tipo de peixe utilizado. Enquanto no Japão é comum consumir atum fresco, por aqui o salmão se tornou o peixe mais popular para a preparação do prato.

Por que sushi é servido cru?

No século XVII, na cidade de Edo (atual Tóquio), o médico Matsumoto Yoshiichi introduziu uma técnica que revolucionou a preparação do sushi. Ele começou a adicionar vinagre ao arroz utilizado no prato, o que reduziu significativamente o tempo necessário para sua produção. Antes disso, levaria vários dias para fermentar e amaciar o arroz adequadamente.

Essa inovação foi extremamente importante porque permitiu aos chefs de sushi prepararem os pratos em apenas um dia. Isso tornou possível atender à crescente demanda por sushi na época, já que mais pessoas estavam interessadas em experimentar essa iguaria japonesa.

Além disso, a localização privilegiada da cidade de Edo também contribuiu para popularizar o consumo de peixe cru e fresco no sushi. A baía de Tóquio oferecia uma abundância de pescados e frutos do mar frescos, possibilitando aos chefs utilizarem ingredientes da mais alta qualidade em seus pratos.

Tipos de Sushi: Conheça as Variedades

Existem várias variações de {palavra-chave}, que variam em termos de ingredientes, método de preparo e até mesmo na forma como são apresentados.

Existem várias variações do arroz temperado e compacto, que vão desde o sushi quente, com ou sem alga nori, até mesmo opções sem arroz, como o sashimi.

Nigiri

O sushi é uma iguaria popular que consiste em um pedaço de peixe, como salmão, atum ou peixe branco, ou frutos do mar, como camarão, polvo ou lula, sobre uma porção de arroz temperado. Geralmente servido com wasabi, o sushi é conhecido por ser simples e delicioso.

O sushi enrolado, também chamado de maki sushi, consiste em um pedaço de alga nori que envolve uma camada de arroz e diversos ingredientes como peixe cru, camarão, legumes ou omelete. Geralmente é cortado em pequenos pedaços para ser consumido.

Temaki

Conhecido como sushi em formato de cone, é feito com uma folha de alga nori enrolada e recheada com arroz, peixe, vegetais ou outros ingredientes.

A Produção do Uramaki

Conhecido como sushi invertido, o uramaki é uma variação em que o arroz fica do lado de fora e a alga nori no interior. É comum encontrar recheios de peixe, legumes ou frutos do mar nessa versão.

You might be interested:  Nomenclatura dos Hashis de Sushi

Como é preparado o Sashimi?

Uma alternativa bastante apreciada por amantes de peixe cru e frutos do mar é o prato composto por finas fatias de peixe fresco, sem a presença de arroz. Essa deliciosa iguaria consiste em camadas cuidadosamente preparadas, proporcionando uma experiência única aos paladares mais exigentes.

Sushi sem peixe?

Ao contrário da maioria dos hossomakis, o kappamaki é um sushi vegano que não contém pedaços de peixes ou mariscos em seu recheio. Em vez disso, é feito com pedaços ou fatias de pepino. Uma curiosidade interessante sobre esse tipo de sushi é que ele recebeu seu nome inspirado no Kappa, uma criatura mitológica do folclore japonês conhecida por sua preferência pelo pepino.

Lista:

– O kappamaki é um tipo de sushi vegano.

– Diferentemente dos outros hossomakis, ele não possui peixe ou frutos do mar em seu recheio.

– Seu recheio consiste em pedaços ou fatias de pepino.

– O nome “kappamaki” foi inspirado no Kappa, ser mitológico japonês.

– De acordo com a lenda japonesa, o Kappa tem como comida favorita o pepino.

Curiosidades sobre a preparação do sushi

Você já imaginou que o sushi foi inicialmente concebido como uma refeição para ser degustada de forma ágil e com as mãos? Essa é apenas uma das curiosidades fascinantes sobre esse prato. Acompanhe agora algumas outras informações interessantes sobre ele.

Sushi é uma palavra japonesa que combina os termos “su” (vinagre) e “shi” (arroz). Essa combinação se refere ao arroz temperado com vinagre, que serve como base para essa deliciosa iguaria.

O sushi, inicialmente, era uma comida de rua vendida em barracas nos mercados de peixes. A tradição é comê-lo usando as mãos e não os hashis (palitinhos).

Um sushi extremamente luxuoso foi leiloado por aproximadamente R$ 3.000, sendo considerado o mais caro do mundo. Essa iguaria exclusiva é feita com pérolas, diamantes africanos e folhas de ouro.

A combinação da gastronomia japonesa com a mexicana resultou no surgimento do taco de sushi, em que o arroz e o peixe são envoltos em uma tortilha ao invés de alga nori.

Nos Estados Unidos, os supermercados contam com a produção automatizada de sushis.

Peixe mais saudável do mundo

Portanto,a inclusão desses peixes em nossa alimentação pode trazer diversos benefícios à saúde devido ao seu alto teor de proteínas e à presença desses nutrientes importantes.

Como fazer sushi

Preparar o prato em casa pode ser mais simples do que imaginamos. Além de proporcionar momentos agradáveis com amigos, é uma maneira de utilizar os ingredientes que mais gostamos. Vamos experimentar? Abaixo estão cinco sugestões para você começar..

You might be interested:  Sushi e Sashimi: Entendendo a diferença

Peixe fresco

Opte por peixes frescos ao invés de congelados, pois isso influencia diretamente no resultado final do sushi. Embora o salmão seja bastante consumido, vale a pena experimentar os peixes brancos brasileiros, como linguado, pintado, namorado ou prego, entre outros.

O Processo de Elaboração do Sushi

Utilize o arroz japonês específico para sushi, pois outros tipos de arroz não proporcionarão o resultado desejado. Certifique-se de lavar bem os grãos e, com cuidado, esfregue-os uns contra os outros na água. Repita esse processo de 2 a 3 vezes até que a água fique transparente. Deixe o arroz descansar por aproximadamente 30 minutos e então cozinhe uma medida de arroz para cada duas medidas de água.

Tempero

Para preparar um tempero caseiro para o arroz, coloque em uma panela uma xícara de vinagre de arroz, uma colher de sopa de sal e uma colher de sopa de açúcar. Aqueça a mistura até que o açúcar se dissolva completamente. Deixe esfriar antes de temperar o arroz, garantindo que esteja morno ou frio. Se desejar, você pode armazenar o tempero na geladeira para usá-lo novamente posteriormente.

Corte perfeito

Ao preparar sashimi de atum, salmão ou peixe branco, é importante fazer cortes perpendiculares às fibras do peixe. Certifique-se de que a faca esteja bem afiada para obter fatias precisas e suaves.

Materiais

Certifique-se de ter os utensílios essenciais para preparar sushi, como a esteira de bambu usada para enrolar sushis, conhecida como sudarê. Além disso, você precisará de uma tábua higienizada, uma faca afiada e uma panela com espátula para o arroz. Se você não tiver acesso a uma panela elétrica específica para fazer arroz, pode utilizar uma panela tradicional.

Comer sushi diariamente é saudável?

O sushi é uma opção saudável de refeição, pois contém minerais, ômega 3 e outros nutrientes importantes para o nosso corpo. Além disso, ele geralmente tem um valor calórico mais baixo do que outras refeições. Isso significa que podemos aproveitar o sabor delicioso do sushi sem nos preocuparmos tanto com as calorias.

Em termos simples, o sushi é um prato tradicional japonês feito principalmente com arroz temperado e peixe cru ou frutos do mar frescos. Ele também pode ser preparado com legumes ou até mesmo frutas em algumas variações mais modernas. O processo de fazer sushi envolve habilidades especiais dos chefs japoneses, como cortar o peixe em fatias finas e enrolar cuidadosamente os ingredientes no arroz usando algas marinhas chamadas nori. O resultado final é uma combinação equilibrada de sabores e texturas únicas que tornam o sushi tão popular ao redor do mundo.